Medir Densidade com Refratômetro ou Densímetro?

898

A medição da densidade do mosto tem duas finalidades principais na produção de hidromeis ou cerveja: saber se o mosto ainda está fermentando e dar suporte para o cálculo da quantidade de álcool.

Dois equipamentos podem fazer esse papel, com seus pontos negativos e positivos. E ainda é possível, matematicamente, converter da escala Brix para a densidade específica (visite minha calculadora para converter brix para densidade e ABV) Entenda para que eles servem e qual é a melhor forma de se usar os dois.

Densímetro

Densimetro

O nome do equipamento já oferece uma pista muito clara do que ele faz, mede a densidade de um líquido. Para usá-lo deve encher uma proveta (existem de 100 e 250ml disponíveis no mercado) com o seu mosto e introduzir o densímetro, deixando-o flutuar até estabilizar em um número, que é a sua leitura final e, portanto, sua densidade.

Importante ressaltar que a amostra usada para a leitura não pode ser reintroduzida no seu fermentador, a fim de evitar contaminação.

Refratômetro

Um instrumento que facilita a leitura da densidade e evita o desperdício da sua produção é o refratômetro.Refratometro Em resumo, ele mede o índice de refração da água, que é alterado quando temos o mel ou o açúcar do malte dissolvido no mosto. Esse instrumento entrega um número na escala BRIX, que precisa ser convertido (fiz uma calculadora para me ajudar) para que tenhamos a densidade do mosto.

Não existem problemas na leitura do OG (gravidade original) no refratômetro, basta fazer uma conversão simples para se ter o número que estamos acostumados. Porém a história muda durante e após a fermentação, já que o álcool, agora presente no mosto, também afeta o índice de refração da água. Podemos fazer alguns cálculos mais complexos para ajustar a FG durante a fermentação (uma calculadora de conversão Brix para FG te ajuda nessa!), mas o ideal de verdade é usar um densímetro para se ter a leitura precisa da densidade.

Se possível, use os dois!

O grande benefício do refratômetro é que precisamos de apenas de algumas gotas para fazer a leitura, enquanto que um mini-densímetro exige que 100ml do mosto do mosto seja usado – e ele não pode ser reintroduzido no balde!

Então a recomendação geral é: acompanhe a fermentação com medições em um refratômetro e quando ela tiver parado calcule sua FG com um densímetro para chegar a uma medição do ABV mais precisa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Close
Your custom text © Copyright 2021. All rights reserved.
Close